leite | Blog da Anette

Tag Archives: leite

Purê de aipim com coxa de frango ensopadinha com quiabo

DSCN6499

Sabe do que eu mais gosto na hora de escolher uma comida? Da simplicidade. Reunir sabores delicados é uma arte que minha mãe, D. Mariazinha, que possui os olhos vedes mais lindos, domina com maestria.

O jantar foi purê de aipim com coxa de frango ensopadinha com quiabo. Tem coisa melhor depois de um dia de correria e muito stress?
A danadinha capricha na coxa de frango ensopada. Retira o osso e a carne fica parecida com umas bolinhas, bem suculentas e macias. Cebola raladinha, alho amassado e pingos de água, acrescentados durante o cozimento em fogo baixo, garantem um caldinho espesso e absolutamente restaurador das forças. Se não fosse tão gulosa ficaria extremamente satisfeita só com um prato fundo de caldinho. Continue a ler →

Panqueca com ganache de chocolate

DSCN5988

A panqueca é uma delicinha que sempre combina com algum momento das nossas vidinhas. Com recheio salgado, faz bonito na hora do lanche rápido, do almoço ou do jantar. Dá para comer sem acompanhamentos, mas também fica ótima fazendo companhia ao santo feijãozinho com arroz ou com uma saladinha, para os que vivem de dieta e não abrem mão de comer comida de verdade. Continue a ler →

Arroz doce

arroz doce - mini arroz 2 009

As festas juninas são as minhas preferidas do calendário. O Natal é sempre maravilhoso, mas se bobear pode ficar nostálgico, repleto de recordações dos que já pegaram o trem para vida eterna. A Páscoa é deliciosa, mas parece festa para crianças. É coelhinho, ovinho: tudo muito bonitinho. Continue a ler →

Aniversário do Pato Donald

anivesário do Pato Donald

O aniversariante ilustre da semana é o Pato Donald. O personagem foi criado em 1934 pelo desenhista Dick Lundy e por Walt Disney. Donald era um personagem secundário e apareceu pela primeira vez num curta metragem The Wise Little Hen, mas ganhou atenção da plateia com voz característica e quase ininteligível que Clarence Nasch criou e manteve por 49 anos. Continue a ler →

Na cozinha com Agatha Christie

806_aprendiz1

Agatha Christie, a rainha do crime – e do fogão

“ Quando comecei a ler os livros da escritora inglesa Agatha Christie, carregados de suspense e morte, criei uma imagem da autora. Imaginava uma mulher introspectiva, séria, que bebericava uísque enquanto bolava histórias sombrias. A imagem acima mostra quanto eu estava errada. No retrato de 1950, tirado em sua casa, Agatha parece apenas uma simpática senhorinha fazendo bolo para os netos.

Continue a ler →

Puré de batata baroa

puré de batata baroa

Uma bela manhã decidi ficar em casa para cuidar de algumas coisas: arrumar umas gavetas, rasgar uma pilha de papéis, guardar roupas e aproveitei para assistir ao programa Bem Estar, na Rede Globo. O assunto era batatas e suas propriedades funcionais. Fiquei sabendo que batata baroa é boa para a digestão e, por isso, é recomendada para crianças, idosos ou convalescentes. Rica em diversos nutrientes  atua como um revigorante natural.  Continue a ler →

Rabanadas

rabanada 002

A rabanada é um sabor que traduz a magia do Natal. A delícia deve ser o  prato favorito do papai  Noel – aquele barrigão só pode ser o efeito de muitas  rabanadas.

Em Portugal, a rabanada é conhecida como fatias de parida , leva leite, ovos, pão e ainda passa por um mergulho na frigideira cheia de óleo , antes de ser polvilhada com canela e açúcar . Cada fatia possui,  em média, 190 calorias.  Claro que existem versões magrinhas, feitas com  adoçante, leite desnatado e assadas no forno. Mas sinceramente: não é a mesma coisa! A gente até come, mas fica o tempo todo,  lembrando  que a rabanada tradicional é muito melhor.

Quer uma dica: coma  na café da manhã. Assim fica mais fácil queimar as calorias e  não acumular gordurinhas.

Ah, quer saber?  Pensando bem, é Natal . Pode abusar !!!! Continue a ler →

Aletria

aletria 2 008

Todos os anos, retiro das caixas um sem número de enfeites, árvore de Natal, figuras do presépio. Penduro uma linda guirlanda na porta, botas de papai Noel com balas e chocolates para as crianças. As crianças cresceram Anette, esqueceu? A criança agora é o Bernardo que já ganhou a sua botinha personalizada, mas, ainda, não pode comer doces. Organizo cardápio, perfumo a casa com cheirinho de canela. Mas, nada me emociona tanto como as lampadinhas pisca pisca. Por mais trabalhoso que seja. Por mais medo que tenha de subir em escadas, lá vou eu. Puxa daqui, prende com arame, estica o fio.

- Itamar, cadê a extensão, o fio, o alicate, o arame???

Itamar, o fiel escudeiro que herdei do meu pai, fica bravo. Uma fera. Garante que é o último ano que me ajuda. Segue reclamando e pendurando as lampadinhas.  É lampadinha para todo lado. A varanda, a goiabeira, a palmeira, a roseira e o pé de alecrim. Nada escapa.

No final da tarde estamos exaustos. Sentamos na varanda e esperamos o anoitecer para conferir o resultado. Sempre precisa de um ajuste, um toque final.

- Itamar, você acha que precisa comprar mais uma série de lampadinhas??

- Nem pensar, eu vou embora. Ameaça pela milésima vez.

A noite chega e o espetáculo começa. No último ano, só retirei as lampadinhas em fevereiro. Acho que em 2014 nem vou retirar.

Fico horas admirando, tomando café e comendo aletria. O doce português, feito com macarrão cabelinho de anjo, que aprendi a fazer com minha Tia Ruth. Um doce da minha meninice, das férias na casa da avó no Rio de Janeiro, um doce que traz lindas e delicadas emoções.

Aletria

5 ninhos de macarrão cabelo de anjo

1 litro de leite

1 xícara de açúcar

1 pitada de sal

1 colher de café de manteiga

Prepare assim

Coloque o leite para ferver em uma panela. Acrescente o açúcar, o sal, a manteiga e por último os ninhos de macarrão, um a um,  mexendo com um garfo para desfazer as “madeixas”. Mexa fazendo um movimento em z, para não embolar o macarrão. Abaixe o fogo e deixe cozinhar sempre mexendo. Se for necessário acrescente mais leite ou água quente. O macarrão deve “nadar” no líquido.  O macarrão não pode ficar molenga. Retire do fogo quando tiver a consistência de arroz doce. Coloque a aletria numa travessa. Deixe esfriar um pouco e polvilhe com canela.

E nada de fazer cara feia, dizendo:

- Doce de macarrão. Só português para inventar isso Urgh!!!

É uma delícia. Você não sabe o que está perdendo.

Arvorezinha de patchwork da Luísa.

Torta de maçã para o Thanksgiving Day

torta de maçã 014

O Thanksgiving Day ( Dia de Ação de Graças ) é muito celebrado nos Estados Unidos e no Canadá. Como o próprio nome diz: o Dia de Ação de Graças é um dia onde as pessoas reúnem-se para demonstrarem a sua gratidão a Deus e a outras pessoas pelas bênçãos e coisas boas recebidas durante o ano.

Americanos adoram o Thanksgiving, chegam a empreender viagens no melhor estilo coast to coast para passar o feriado com familiares. O almoço de Thanksgiving  é sinônimo de mesa farta onde o perú assado é o prato principal. A comemoração também é conhecida como Turkey Day - Dia do Peru. Todos os anos acontece uma cerimônia no Dia de Ação de Graças, onde o Presidente americano perdoa dois perus (um oficial e um reserva), salvando assim os animais do mesmo destino dos outros 46 milhões de perus – a estimativa de perus que são consumidos durante o feriado. Coitadinhos dos bichinhos!!

 Mas a comilança a não acaba por aí, não!! Tem ervilhas, batata-doce assada com maple syrup, purê de batata, torta de abóbora, torta de maçã, torta de nozes, entre muitas outras delícias. Continue a ler →