Insalata di fusilli | Blog da Anette

Insalata di fusilli

salada fusili com kani 010

A foto ilustra, muito bem, uma salada que eu adoro. Colorida, saborosa e com ingredientes variados, garantindo sabor e saciedade.

A massa assume o papel de coadjuvante. 200g é uma quantidade suficiente para uma refeição, se a massa for integral, recomendo diminuir a quantidade para o tiro não sair pela culatra. Afinal, o propósito é um prato saudável e que deve contribuir positivamente para você ganhar a luta contra a balança.

O nirá, também chamado também de alho japonês, é uma erva aromática muito utilizada na medicina e culinária oriental. Suas folhas lembram a cebolinha, mas quando refogado o sabor fica próximo do alho, porém, mais suave. É rico em fibras e possui propriedades regenerativas, antiinflamatórias e revitalizantes. Na alimentação macrobiótica ele é considerado um poderoso depurativo do sangue e na cultura popular um excelente repelente para cobras. Eu é que não vou experimentar esta propriedade. Prefiro o nirá no prato e as cobras no mato. Melhor não misturar.

A cenoura é rica em betacaroteno, um elixir milagroso para combater o envelhecimento precoce e manter a pela fresca e jovem. Consumo quase todos os dias, especialmente na minha poção – 100 anos saudáveis , que além da cenoura, leva beterraba, óleo de coco, suco laranja, maçã verde, couve, linhaça, castanha do Pará e ninho de rolinha. O ninho de rolinha é invenção do meu irmão. Rsrsrs. A cenoura crua ralada ajuda a diminuir o índice glicêmico, aumenta a sensação de saciedade e por conseqüência, promove o emagrecimento.

O kani é prático, já vem pronto, é só descongelar e garanto a minha porção de proteína. Não gosto muito de carne vermelha, prefiro peixe e mariscos. Mas se não tiver, não faz falta. Há um bom tempo venho diminuindo o consumo de carne. Sempre digo: já sou quase uma vegetariana, falta pouco!!!

Pimentão vermelho, cebola roxa e raspinhas de limão siciliano formam a comissão de frente da minha salada. Intensificam o sabor, garantem a absorção de nutrientes e deixam tudo bem colorido . São a alma da salada.

Tomatinhos cereja são sempre bem vindos, fazem parte da minha memória afetiva. Meu pai costumava trazer  tomatinhos quando voltava da roça, em Aracruz. Absolutamente lindos e azedos. Papai escolhia os cachinhos com cuidado, embrulhava em folha de bananeira, palha de milho, o que encontrasse pelo mato.

- “Trouxe um presente para você !! Adivinha o que é ? Anunciava assim que saia do carro.”

- Hum, uma pedra !! Achou estranho? Meu pai me presenteava com pedras: redondas, gorduchas, brilhantes, mica, cheias de limo. Era o jeito dele de falar: lembrei de você.

- “ Não , errou. Sua boboca! ” .

- Um besouro , um bicho de pau? Sim, meu pai me presenteava com insetos: magrelos, fedorentos, alados, com milhares de pernas, chifrinhos. De todos os jeitos, cores e tamanhos. Era o jeito dele de me surpreender.

- Uma flor, uma fruta, um galho de árvore, dá uma pista!! Implorava, fazendo muxoxo.

Dando risadas, tirava de dentro do embornal de caçada o embrulho amarrado com embira e estendia a mão.

Claro que eu ficava feliz. O presente sugestivo enfeitava a minha casa de bonecas ou a mesinha de cabeceira. Mas também podia virar o jantar. Meu pai preparava uma deliciosa moqueca de tomatinhos. Acompanhava com polenta, pimentas, ovos fritos ou uma carne de caça ou camarões. Meu pai era um caçador, em um tempo que caçar não era proibido. Isso é estória para outro post.

Meu pai amava: Paul Newman, a música rain drops keep falling on may head / B.J. Thomas e o filme Butch Cassidy e Sundance Kid. É bom rever…

Finalmente, a receita da salada !!!

Ingredientes

200g de massa cozida ( penne ou fusilli )

½ xícara de nirá refogado no azeite

½ xícara de cenoura crua ralada

6 palitos de kani

½ xícara de pimentão vermelho em cubinhos e refogado no azeite

3 colheres de sopa de cebola roxa em cubinhos

Tomatinhos cereja

Azeite, raspinhas de limão siciliano

Prepare assim: Cozinhe a massa, escorra coloque em uma saladeira e reserve. Rale a cenoura. Refogue o nirá e o pimentão. Junte todos os ingredientes à massa. Finalize com a cabola roxa, o kani, raspinhas de limão siciliano e azeite. Bom demais!!!

Tags: , , , , , , , , , , , , ,

Nenhum comentário :(.

Deixe uma resposta