Farfalline com manteiga de sálvia e nozes | Blog da Anette

Farfalline com manteiga de sálvia e nozes

farfalline com nozes e salvia 001

Fazer manteiga em casa é um programa de índio, índio americano com um cocar gigantesco, com penas de águia, no melhor estilo Touro Sentado. Precisa de leite natural e de boa qualidade (gordo) ou nata (mais difícil, ainda) e muita prática na arte milenar de bater o leite até o milagre acontecer. Certo?

Errado. É fácil e o resultado surpreendente. É só bater o creme de leite fresco bem gelado. O ideal é manter a embalagem no congelador por uns 10 ou 15 minutos. Comece batendo em velocidade baixa (para evitar espirros e paredes sujas). Quando começar a encorpar, aumente a velocidade para alta e deixe bater por uns 10 minutos. Acabou. Manteiga pronta! Melhor que a francesa Président? Sinceramente, sou suspeita para falar. Mas é um luxo comer uma massa com manteiga fabricada por você. Isso não tem preço!

Deixei a manteiga na geladeira por duas horas. Temperei com um pouco de sal, folhas de sálvia picadinhas colhidas fresquinhas no meu jardim e nozes trituradas. Modelei em formato de bolinhas e coloquei no congelador por 10 minutos, tempo suficiente para preparar a massa.

Escolhi um farlalline ou gravatinha como é conhecida no Brasil. Muito delicado, mas, sem o charme. Farfalline é o diminutivo de farfalle – borboleta em italiano. Chique, não ?
A massa é cortada em quadradinhos e franzida no centro, deixando a parte central, mais espessa e as extremidades leves, como se fossem asas de borboletas. Com um dos formatos mais alegres na cozinha, essas borboletas voam de sabor em sabor adaptando-se a diferentes combinações.

Cozinhe 500g de farfalline em água e sal. Não cozinhe demais, o ponto é al dente, lembra? Escorra. Reserve uma xícara da água do cozimento. Aqueça umas 2 colheres de sopa de manteiga ( não deixe borbulhar ), junte a massa e misture bem. Se for necessário, acrescente um pouco da água d cozimento. Coloque a massa em pratos fundos previamente aquecidos. Acomode as bolinhas de manteiga com sálvia e nozes e sirva imediatamente.

Saboreie a manteiga derretendo aos poucos, com a sálvia picadinha e as nozes trituradas envolvendo a massa. Humm. Faltou uma taça de vinho! Não falta mais! Harmonizei a massa com o vinho tinto argentino Latitud 33º. O vinho tem aroma de frutas maduras. Este malbec é produzido exatamente na latitude 33º do Hemisfério Sul. Região única que une solo, clima e a água mais pura proveniente da Cordilheira dos Andes. Agora resolvi dar pitacos sobre vinhos. Me aguardem. Hoje a escolha foi intuitiva, ou melhor não tive escolha, o Latitud 33 º era a única opção no armário da sala.

Tags: , , , , , , , , ,

Nenhum comentário :(.

Deixe uma resposta