sem glúten | Blog da Anette

Archive | sem glúten

RSS feed for this section

Voce conhece a uvaia?

DSCN6510

Faz um bom tempo que ando à procura de uvaia, uma frutinha do mato, típica da Mata Atlântica. O sabor, apesar de intenso, pode não agradar a todos por ser azedo – e desse fato que surgiu seu nome ubaia, que em tupi significa fruto azedo. A fruta é amarela, arredondada e felpudinha ( como o pêssego ). De flor branca, a árvore é comumente plantada para uso doméstico, uma vez que seus frutos sensíveis, amassam, oxidam e ressecam com facilidade, tornando pouco viável a sua comercialização. Continue a ler →

Supermercado da Holanda venderá alimentos feitos com insetos a partir de 2015

BBce9pN

‘A partir de janeiro de 2015, todos os supermercados da Jumbo na Holanda oferecerão produtos de insetos (comestíveis) em suas prateleiras’, explicou a companhia em um breve comunicado.

A rede de supermercados assegurou que estes novos produtos permitirão a seus clientes contar com uma opção ‘saudável e sustentável’ ao consumo de carne ou peixe. Continue a ler →

Tapioca com açaí

tapioca com açai 008

Uma coisa é certa, a simplicidade, a praticidade e o sabor da tapioca são fatores determinantes para você se aventurar na cozinha e preparar uma alimentação saudável e deliciosa.

A tapioca é uma expressão genuína da comida brasileira. Originária do Nordeste do país tem de origem indígena. A tapioca é feita com o polvilho ou fécula extraída da mandioca. Quando a fécula é espalhada sobre uma chapa ou frigideira quente ela fica toda grudadinha, ou coagulada com preferem os gastronômos. A partir daí ela adquire uma consistência seca, quebradiça ao mais leve toque.

Mais rápido do que preparar um macarrão instântaneo (sic). Vale a pena peneirar a fécula antes de preparar a tapioca para evitar que forme bolinhas. A frigideira não pode ser quente demais, senão as bordinhas ficam torradas e o meio fica parecido com jujuba (borrachento).

O recheio tradicional é feito com coco e queijo coalho. Confesso que já comi tapioca de tudo que é jeito. O sabor neutro aceita diversas combinações: banana, açúcar e canela, com carne moída, com doce de leite, creme de camarão. Minhoca. Não. Nada de minhocas, é só uma brincadeira com a Lara, minha priminha querida que vive reclamando que ainda não falei sobre ela no Blog. Pronto, Lara , falei. Feliz, agora?

Há bem pouco tempo a tapioca deixou de ser preparada nas casas de farinhas das comunidades rurais e ganhou lugar cativo nas cozinhas dos atletas, dos loucos por dietas e dos portadores de intolerância ao glúten. Isso, mesmo, a tapioca não contém glúten.

Duas colheres de sopa de fécula (30g, o suficiente para fazer uma porção) possuem 70 calorias, a metade de um pãozinho (que tem cerca de 135 calorias). Nada mal, hein? Saciedade garantida sem brigar com os ponteiros da balança. Claro que não dá para exagerar na espessura da tapioca e escolher recheios hiper calóricos.

Se voce pratica atividade física regularmente pode incrementar a sua tapioca com açai, frutinha que dispensa apresentação. Voce pode utilizar a polpa de açai ou o Açai Mix da Bazzar que ainda tem banana e guaraná. A calda é cremosa e com pouco açúcar. Fica uma delícia.

Tapioca

Ingredientes

Polvilho, ou fécula ou goma para tapioca – cada um chama de um jeito. Eu costumo comprar na baraca da tapioca da feirinha orgânica da Praça do Papa ( acontece na quarta-feira ), o quilo custa R4 8,00 e rende um quitungo inteiro.

Prepare assim: Aqueça a frigideira, espalhe a goma e deixe assar. Se preferir, vire coma ajuda de uma espátula para assr dos dois lados. Coloque o recheio e dobre ao meio. Coma quentinha.

tapioca com açai 007

Ajudinha:

Superfood